Na Espanha, decifrando os Vinos de Pago

Vino de Pago ou Denominação de Origem Pago (DO Pago) é uma classificação usada para avaliar os vinhos espanhóis, da mesma maneira que as appellations d'origine contrôlées (AOC) existem na França. 

Como este artigo não é um verbete da Wikipedia, já adianto que um produtor me confidenciou que o termo provoca confusão mesmo na Espanha.

Então, em vez de tentar explicar, prefiro dizer o que me atrai muito na nessa proposta que foi estabelecida por lei desde 2003.

As denominaciónes de origen na Espanha referem-se à determinada região ou território. D.O. Rioja, por exemplo, regulamenta os vinhos e vinícolas localizadas geograficamente na região da Rioja; D.O. Ribeira del Duero idem para os vinhos da Ribeira del Duero. São inúmeras, como dá para imaginar.

Os vinhos de pago, ao contrário, têm a ver com as vinícolas, ou seja, à rigor, podem ser originários de qualquer lugar da Espanha. O que também não é tão simples, uma vez que, para  ter o selo de qualidade DO Pago, a vinícola tem que obedecer às regras e especificações da região e, claro, do selo.

Não desista da leitura, tenho certeza de que vai ficar mais claro e vale a pena porque Vinos de Pago são representantes top da qualidade dos vinhos espanhóis.

Vamos lá, para ter o direito de ostentar DO Pago no rótulo, o vinho deve:

  • Vir de pequenas propriedades familiares, ou seja, o dono tem que estar à frente da vinícola;
  • A vinícola tem que ter produção baixa por hectare;
  • As uvas não podem levar mais do que 20 metros para percorrer o caminho entre a poda e a entrada na vinícola, ou seja, os vinhedos tem que estar ao lado da vinícola;
  • A vindima deve ser manual;
  • Os barris devem ser de roble (carvalho) francês;
  • E os vinhos produzidos devem ser poder ser caracterizados como sendo de 'qualidade excepcional'.

No fundo, o DO Pago é um selo de qualidade para pequenos produtores. Tão rigoroso, que até hoje só foram certificadas apenas 14 vinícolas das 4500 que existem na Espanha!

Um Vino de Pago não precisa ser necessariamente orgânico ou biodinâmico, mas a classificação está em sintonia com as tendências mais modernas de valorizar o uso de técnicas naturais e artesanais na produção.

Agora, na hora de comprar, tem que ficar de olho no rótulo: 'pago' é uma palavra espanhola antiga e tradicional para 'herdades' ou 'propriedades' (sobretudo se forem vinhedos). Por isso, apesar da lei proibir o uso da expressão DO Pago no rótulo, muitos vinhos têm pago no próprio nome, como o Pago del Rey ou Pago de Sarrea.

Bem complicado, mas merece o brinde dessa semana!

 

Que tal um quadrinho explicando melhor as categorias de vinho da Espanha? 

 

Confira na nossa adega alguns rótulos espanhóis!

 

Leia mais:

Pais e filhas no mundo do vinho

Celebridades e suas vinícolas: quando a paixão vira um negócio

Safra: o documento de identidade do vinho

O que torna um vinho caro?

Minúsculo Dicionário de Palavras Fundamentais do Mundo do Vinho

 

 

 

Sobre RBG Vinhos

A RBG Vinhos foi fundada em 1998, em São Paulo, por Ricardo Bohn Gonçalves. Nossa vocação é procurar continuamente oportunidades no mundo do vinho, buscando sempre aliar qualidade e bons preços e oferecer a melhor curadoria para orientar a sua escolha.

Para receber as recomendações de Ricardo Bohn Gonçalves, cadastre seu email e seu número de Whatsapp ao lado.

Além de poder comprar seus vinhos por email e por Whatsapp, você também pode escolher seus rótulos favoritos navegando pela nossa adega.

RECEBA NOSSA NEWSLETTER


Se beber, não dirija. Aprecie com moderação.
A venda de bebidas alcoólicas é proibida para menores de 18 anos.

+55 11 3676-1781
+55 11 94116-4445
rbgvinhos@rbgvinhos.com.br